daughtry01

Chris Daughtry e sua banda ilustram a capa da próxima edição da revista Billboard

Daughtry

Chris Daughtry e sua banda ilustram a capa da próxima edição da revista Billboard. O segundo álbum da banda, Leave this Town, está programado para estreiar em 14 de julho nos Eua.

Veja alguns trechos selecionados da matéria da revista:

O segundo álbum do grupo, Leave this Town, que tem previsão de lançamento para 14 de Julho, se firma em suas origens; é outro álbum cheio de músicas que te dão vontade de abaixar a janela do carro e cantar, tentando chegar no tom característico da voz de Chris Daughtry. Mas há uma mudança-chave nas músicas: Daughtry – a banda – criou esse álbum, ao invés de ter sido criado apenas pela marca da banda.

Agora, a música de trabalho escolhida como próximo single é a balada “Life After You”, um take que lembra o estilo de “Home”, do álbum anterior. McIlwaine está dando algum tempo para o single atual “No Surprise” crescer, enquanto “Life After You” será lançada nas rádios no outono.

E enquanto a voz e versos de rock de Daughtry continuam sendo palco principal das músicas do CD, várias faixas trazem riscos criativos. Daughtry compôs a música “Life After You” sozinho, uma música consideravelmente pesada que não estaria fora de seu lugar se figurada em um álbum de Alice in Chains. E “Tennessee Line”, contendo participação chave de Vince Gill, se ajusta confortavelmente no crossover entre Rock e Country, no melhor estilo Lady Antebellum.

No total, eles produziram mais de 70 faixas para o novo álbum. “Foi fácil selecionar as 20 que entrariam no CD”, diz Daughtry rindo sobre a seleção das músicas. “Haviam quase 50 músicas sobre nada”. Eles testaram nos palcos algumas músicas que entrariam no álbum novo – uma estratégia inteligente, haja vista o sucesso da turnê. De acordo com o Boxscore da Billboard, Daughtry figura o topo da lista, faturando 1.4 milhões de dólares em 29 apresentações, esgotando os ingressos de 28 dessas. A banda realmente fez seu nome abrindo shows de Bon Jovi e Nickelback, como parte desses shows eles se apresentaram para 1.2 milhão de pessoas e faturaram 95.5 milhões de dólares.

Dessa vez, Daughtry irá à turnê como um grupo de renome. A banda fará 15 shows através do país nesse verão para membros de seu fã clube e ganhadores de promoções de rádio e ao final de Setembro, sairá em uma turnê Norte Americana com 100 apresentações.

A gravadora está considerando shows na Austrália, África do Sul e Europa. O Reino Unido foi território de maior vendagem da banda fora dos Estados Unidos, onde Daughtry chegou ao 13º lugar das paradas e vendeu 42.000 álbuns, de acordo com a Official Charts Co.

Adam Lambert

Adam Lambert pode ter aberto o jogo sobre sua sexualidade a todos, mas aparentemente ele está colocando mais cartas no jogo para a sua estreia profissional. Segundo o site da E!Online, Adam pode estar trabalhando com ninguém menos que o produtor RedOne, o homem por trás do sucesso Lady Gaga e responsável pelos dois maiores hits da cantora (“Just Dance” e, claro, “Poker Face”). As fontes dizem que Lambert passou o fim de semana com o produtor em um estúdio de gravação, na cidade de Los Angeles. Produtor musical de origem Sueca-marroquina, RedOne também tem produzido artistas como Akon, Enrique Iglesias, Michael Jackson, entre outros. Adam espera que essa parceria resulte em “um novo som que vá além do que ele fez durante o Idol”.

Danny Gokey

Ao retornar a Milwaukee para um evento beneficente, Danny Gokey disse ao canal de televisão local que ele teria em breve uma reunião com representantes da 19 Entertainment e Sony Nashville, divisão de música country do conglomerado Sony-BMG. Apesar de sempre dizer em entrevistas que R&B e músicas latinas sejam seus gêneros favoritos, não é de se estranhar essa possível escolha, já que um de seus momentos mais marcantes em sua estada no Ai foi sua performance em “What Hurts the Most”, sucesso do grupo country Rascall Flatts.

Teen Choice Awards 2009

E os indicados para o Teen Choice Awards 2009, promovido pelo canal de televisão Fox foram apresentados, e claro, o programa e alguns Idols foram escolhidos para a votação do público.

Adam Lambert: Red Carpet Icon e Male Reality/Variety Star
Carrie Underwood: Melhor Álbum Feminino
David Archuleta: Música de Amor (“Crush”), Revelação e Melhor Turnê (com Demi Lovato)
David Cook: Revelação e Melhor Álbum Masculino
Jennifer Hudson: Melhor Artista de R&B e Melhor Música de R&B (“If This Isn’t Love”)
Jordin Sparks: Melhor Turnê (com Jonas Brothers)
Kelly Clarkson: Melhor Single (“My Life Would Suck Without You”)
Kris Allen: Male Reality/Variety Star

American Idol: Melhor Turnê e Reality Show
Ryan Seacrest: Personalidade de TV
Simon Cowell: Personalidade de TV

A votação é aberta ao público no site, mas tem que se cadastrar e ser menor de 19 anos.

American Idol 2010

Milhares de candidatos ao American Idol suportaram a chuva e o frio, esperando que suas vozes fossem respeitadas pelos jurados, com o início das audições da nona temporada em Boston. Enfrentando pancadas de chuva e ventos frios, alguns participantes chegaram no Domingo, em torno de 3 da manhã no Gillette Stadium, em Foxborough. Eles iniciaram uma fila que eventualmente se estendeu do estádio até o estacionamento.

O apresentador Ryan Seacrest disse que o mau tempo pode ter ajudado os participantes, já que o número de candidatos presentes foi bastante reduzido. “Se você for às audições, torça para que chova e faça frio”, diz Ryan. “Isso faz com que os fracos fiquem em casa”. Ele aconselha: Compareça, cante bem e prossiga.

O início das audições atraiu 7.000 pessoas de toda a Costa Leste, incluindo New England, Nova Iorque e até o sul, como a Carolina do Norte. Os participantes usaram salto alto, chapéus de cowboy e guarda-chuvas chamativos, mostrando que eles eram pessoas de efeito. Mas para prosseguir na competição, eles teriam que provar aos produtores que eram bons o suficiente para serem chamados de volta. “Significaria o mundo para mim”, disse Brittany Edgett, de 25 anos, residente de ‘4 ou 5 cidades’, em New Hampshire. “Estou tentando dar uma vida melhor para mim, minha filha e meu namorado…tentando ficar um pouco melhor na vida do que temos vivido até agora”.

Além de ter talento, coragem e talvez nervos de aço, os candidatos precisam ter entre 16 e 28 anos, e serem capazes de trabalhar nos Estados Unidos. Seacrest comentou que o fim dramático da temporada anterior deixou o show como novo, e os espectadores devem esperar mais temporadas. “Sempre há um twist”, disse.