PIA.NEWS1

Após eliminação, Pia Toscano visita gravadora deve lançar single em breve

Pia Toscano era só sorrisos quando foi flagrada saindo dos escritórios da Warner Music Group / Elektra Records nesta sexta (08/04) em Los Angeles. A nota foi dada originalmente pelo site Just Jared (veja a foto ao lado).

A cantora de 22 anos fez uma visita à gravadora um dia depois de ser eliminada do programa American Idol, onde era apontada por jurados, críticos e telespectadores como uma das favoritas da temporada. Contudo, nesta quinta (07/04), Pia foi a candidata menos votada na semana e deixou a competição em um dos mais impactantes episódios na história do programa.

Se Pia assinou contrato com a Warner, nada foi divulgado oficialmente. Tampouco foi notificado algum contato da cantora com a atual gravadora do reality show – a Interscope Records, da Universal Music Group.

[ATUALIZAÇÃO] O site da revista US Magazine divulgou uma nota que pode animar ainda mais os fãs de Pia Toscano: ela teria praticamente fechado acordo com a gravadora Interscope Records. “Pia está com um contrato praticamente assinado a Interscope, que está acelerando todo o processo para iniciar a produção do álbum o mais rápido possível”, disse uma fonte com conhecimento das negociações. “Assim que acabou o Results Show na quinta à noite, a gravadora entrou em contato com a cantora e disse a ela que queria que ela se reunisse no dia seguinte e, logo pela manhã, a gravadora começou a chamar compositores e produtores na cidade para começar a trabalhar no álbum para lançá-lo o quanto antes”.

A fonte continuou, “Trabalhos estão sendo finalizados. É basicamente um negócio feito. Só falta a assinatura. Tudo está sendo feito às pressas, mas ela está muito animada”. Lembrando que a Interscope Records é a gravadora oficial do Idol e é presidida pelo mentor do programa, Jimmy Iovine.[FIM DA ATUALIZAÇÃO]

Celebridades americanas demonstraram sua perplexidade e revolta com a eliminação de Pia no Twitter, como Tom Hanks, Ashton Kutcher e Alyssa Milano. Antigos participantes do Idol, como Jennifer Hudson, Carly Smithson e David Cook procuraram apoiar a cantora.