simoncowell

Seria Tommy Mottola o substituto de Simon Cowell?

Embora muitos nomes foram lançados aos quatro ventos como potenciais substitutos de Simon Cowell, quando este anunciou sua saída do American Idol ao final desta temporada, nenhum deles se consolidou como um forte candidato à vaga.

De acordo com o Deadline Hollywood, a primeira escolha do programa que terá lugar é o ex-chefe da Sony Music Tommy Mottola, que dirigiu a gravadora durante o auge de Michael Jackson e foi casado com a popstar Mariah Carey. O único problema? Aparentemente Cowell também visa Mottola como provável jurado para o seu novo programa nos Estados Unidos, o X Factor.

O site relata que os produtores do Idol trabalham com uma lista de 25 possíveis substitutos de Cowell e que o empresário de 60 anos – dono da Casablanca Records – está no topo. Dada sua forte presença durante 15 anos à frente da Sony Music Entertainment e com uma longa carreira na indústria da música, Mottola é um forte candidato com experiência em descobrir talentos. No entanto, sua desenvoltura perante às câmeras ainda é desconhecida. Durante sua carreira, Mottola ajudou a carreira de diversos artistas, como a própria Mariah Carey, Jennifer Lopez e entre outros.

A segunda opção seria o empresário Guy Oseary, sócio de longa data da megastar Madonna e ex-chefe da Maverick Records, seguido pela lenda da música Jimmy Iovine (chefe da Interscope/Geffen/A&M), que já dirigiu as carreiras de Eminem, Dr. Dre, 50 Cent e dezenas de outros, juntamente com a produção de álbuns de artistas como U2, Tom Petty e Patti Smith.

Representantes do American Idol, da Fox e da Casablanca Records não quiseram comentar a respeito da notícia. Simon Cowell anunciou neste mês que a atual temporada de American Idol será o último no programa, pois estará presente na versão americana do X Factor em 2011.