SwedenIdol2013-Top06

[Recap] Sweden Idol 2013 – Top 6

Hey Guys! Mais uma semana de apresentações do Sweden Idol chegou e Niv, Legey e Eu estamos aqui para comentar o que achamos de cada um dos candidatos do Top 8. Pega a pipoca e se prepara, let’s go!

Matilda Melin – Varje gång jag ser dig

Niv: Tava linda gente! Adorei essa música, encaixou bem com o tom dela. Tem nada o que falar dessa quenga, depois de cantar Roxette se sagrou a melhor dessa bagaça. GO MATILDA! GO!
Legey: Acho muito difícil julgar quando eles cantam na língua deles, porque eu não conheço a maioria das músicas. Eu gostei bastante da escolha da Matilda, mas pegar o death spot é sempre um risco. Eu curti demais a apresentação, adorei a música, adorei o fato de ela ter cantado algo mais uptempo, mas sem ser estranho ou nada a ver. Ficou bem Matilda, mas sem ser balada.
Rich: Eu fiquei em dúvida no que achar dessa apresentação no sentido de que ela poderia ter feito algo melhor, mesmo não conhecendo muitas músicas suecas acredito que tinham melhores na lista. Foi bonitinho, fofinho, mas não foi marcante =/ Obs: Ela estava linda sem tá usando preto <3 Erik Rapp – Sakta gå genom stan

Niv: Foi uma apresentação inha. Ele escolheu uma música muito na zona de conforto dele e vejo que essa é a hora de arriscar mais um pouco, porém, ele continua consistente e fazendo boas apresentações. Vejo esse menino na final fácil.
Legey: O tema Big Band já não passou? hahaha Achei o arranjo tão Big Band Week. Mas curti. Não conhecia a música também, mas foi uma surpresa meio agradável. Ficou um pouquinho boring, pro meu gosto, mas ficou bem legal. Espero que ele possa compensar na próxima apresentação.
Rich: Também achei que o tema Big Band ainda estava o influenciando essa semana Hahaha, apresentação bem legalzinha também, sem grandes momentos, apenas uma que é boa mas não supera outras dele mesmo.

Jens Hult – Somliga går med trasiga skor

Niv: Não aguento com essa indisposição dele no palco. Ao menos a voz tava bacana, foi aturável.
Legey: Juro que a minha relação com o Jens é complicadíssima. Eu adoro o timbre dele e ele tem umas apresentações que, na minha opinião, são dignas de Top 10 da temporada. Mas também tem outras que são dignas de Framboesa de Ouro. Essa pra mim fica bem no meio. Não é ruim, não mesmo, mas não achei nada demais. A voz dele tá bonita na música, mas a apresentação foi TÃO sem graça.
Rich: Que música mais Agnaldo Timóteo de mesa de bar das antigas hein? Não entendo a letra, já que não sou obrigado a saber sueco, assisto o programa de metido ;P Apresentação bem fraca, a semana não está boa até agora, vixe.

Sandra Wikstorm – Öppna din dörr

Niv: Foi a melhor apresentação dela, o que não significa muita coisa. Sem mais.
Legey: É isso mesmo? Essa gorda tá fazendo algo que preste? Infelizmente ela ainda não aprendeu a não usar roupas apertadas, mas pelo menos aprendeu a não ser um cocô toda semana. Eu realmente curti essa apresentação. Não conheço a música, mas ficou com uma cara de Winner Single, não ficou não?
Rich: Quando a Sandra não tenta ser uma divona e encontra um meio termo até funciona, a prova disso foi essa semana, gostei da música e da melodia, imaginei até a Matilda cantando essa música por sinal. No meio de apresentações medianas, fazer algo decente já ajuda, principalmente vindo de alguém que não é tão bom assim.

Kevin Walker – Till dom ensamma

Niv: Next. VEM ELIN! VEM SAMBAR NA MINHA TELA!
Legey: Sério. Esse b**** vai ganhar. Ainda não entendo como ele chegou até aqui sem nenhum bottom. Mais uma vez, ele canta de forma medíocre, com um olharzinho pseudosedutor, com caras e bocas de amante e um sorriso cafageste na cara, independente do que ele está cantando. Não tenho mais como manifestar meu descontentamento com a presença medíocre dele no programa.
Rich: Chocado que eu conheço essa música :O Pelo menos deu para o Kevin disfarçar as falhas que tem na voz e deixar algo aceitável, não que tenha sido maravilhoso, mas não foi o desastre que poderia ter sido.

Elin Bergman – Flickorna på TV2

Niv: Não foi a melhor apresentação dela mas ainda assim foi muito melhor que galãs wannabes e gorda. Muito proveitosa essa apresentação.
Legey: Já me contentei com o fato de que nunca mais teremos a Elin safadinha e rapper de volta. Mas eu não ligo. Ela tá melhorando a cada semana que passa. Adoro a desenvoltura dela em palco, acho ela tão fofinha. Ela tem mostrado alguma versatilidade e eu to acreditando que ela pode marcar presença na final. E eu não ligo. Ia adorar, até. Achei essa apresentação bem divertida e agradável. Pode não ter sido a melhor dela, mas foi ótimo, ainda mais comparando com o nível fraco da noite.
Rich: Não acho que a música combinou muito com a Elin nem com o tom de voz dela, algumas partes achei até bem estranho, encerrou a primeira rodada mostrando que todos poderiam ser melhor ou algo mais elaborado. Todos os seis aí com chances e bottom.

Matilda Melin – Det kommer aldrig va över för mig

Niv: Uma pena que a música ficou muito alta quando acelerou o ritmo, mal consegui escutar a voz dela mas o pouco que eu escutei, nossa… sensacional! A parte inicial foi FANTÁSTICA, Matilda vai tá no top 5, eu creio.
Legey: Essa escolha eu já não sei se gostei tanto. Ela cantou bem, a voz dela tava linda, mas acho que não curti a música mesmo, achei até meio feia. E, se o tema era “Artistas Suecos”, ela poderia ter escolhido tanta coisa melhor, como First Aid Kit, Anna Ternheim, Lykke Li (Imaginem ela cantando Tonight). Acho que faltou o fator “wow” na Matilda hoje. E sendo death spot, isso me deixa com medo.
Rich: Voltou para o preto dominante =/ Concordo com o Legey, Matilda hoje foi tão morninha que dá para temer pela sua permanência na competição. Ela já fez apresentações tão boas, principalmente quando se encontrou novamente com o estilo =/

Erik Rapp – Gubben i lådan

Niv: Essa foi a melhor apresentação dele no programa e top 3 da temporada. A apresentação fluiu tão bem, a voz tava tão gostosinha, mesmo não sendo uma música com big clímax, foi sensacional.
Legey: Não curti. De novo por causa da música. Essa segunda rodada começou consideravelmente pior do que a primeira. Achei a música tão feia. E meio nada a ver com o Erik. Espero que isso não o prejudique, porque ele é um dos meus favoritos. Não acho que tenha sido ruim o suficiente pra ele ficar entre os piores da noite, mas não curti tanto.
Rich: Erik não vai largar nunca o pedestal né? Não curti a música, a apresentação foi mais uma morna, acho que “morna” reflete essa temporada do Idol, vai ver é praga de terem cancelado o X Factor e deixado o show de “férias” e só agora voltado.

Jens Hult – Strövtåg i hembygden

Niv: Por que os suecos votam nele?
Legey: Geralmente, tocar gaita é o caminho pro meu coração. Mas dessa vez não colou muito. Achei a apresentação TÃO desconfortável. Ele tava mega esquisito cantando, achei a música super estranha e ficou com um clima de awkwardness no ar que não me agradou nem um pouco. Preferi a primeira apresentação.
Rich: Só de começar com a gaita já foi melhor que algumas apresentações dele mesmo. A performance em si me agradou, não muito porém deu para o gasto, se a voz tivesse um pouquinho melhor teria feito uma diferença. Obs: Mais uma música que fiquei imaginando para a Matilda aqui Hahaha.

Sandra Wikstrom – Händerna mot himlen

Niv: HUAUHAUHAUHHUAH MAS QUE DELÍCIA RUINVILHOSA FOI ESSA? Isso foi tão ruim que nem vou comentar muito para não massacrá-la, Legey fará isso por mim, essa é uma das certezas da vida.
Legey: Você fica preocupado quando Gorda faz duas apresentações ótimas na mesma noite. Claro que nem tudo é perfeito e ela ainda insiste em usar essas roupinhas. Mas, olha, Gorda foi a mais consistente da noite até agora, acho que foi até a melhor. Escolheu as músicas muito bem, mostrando versatilidade nas apresentações e cantou bem. Me impressionou.
Rich: Olha só quem resolveu tem uma semana decente na competição! Só falta sair já que eu gostei dela essa semana, porque né? Contando as duas apresentações, Sandra foi a que teve o melhor resultado, não foi nada impactante só que foi bom e soube escolher duas músicas que combinassem com ela, então ponto para ela, ponto.

Kevin Walker – Välkommen in

Niv: No meu contrato não tinha que eu era obrigado a comentar uma m**** dessa, logo, abstenho-me.
Legey: Sério, a única música da noite que eu conheço (e amo) ficou pra esse bostinha? Veronica Maggio é tão foda e única que ninguém deveria cantar as músicas dela, muito menos um cantor medíocre e sem star quality como ele. Se perdeu na música, tava ridículo pagando de gatinho e fiquei com ódio. Morra.
Rich: Nossa Kevin, assim fica difícil de tentar te defender, foi fraco, foi ruim, foi estralho. Não tem presença de palco e tenho a impressão de que ele já usou essa camisa em alguma outra semana.

Elin Bergman – Vart jag mig i världen vänder

Niv: MAS QUE BATIDÃO MARAVILHOSO!!! E essas dançarinas recicladissimas? Pena que ela perdeu o fôlego em algumas vezes. Tirando esse detalhe foi uma ótima apresentação.
Legey: Gente, isso é Konga? hahahaha Elin chegou sendo safadinha e étnica cantando uma música que nunca ouvi falar. E eu gostei! Sei lá, a música é estranha, mas acho que funcionou. Não consegui tirar os olhos dela cantando e dançando, achei a apresentação bem boa. Não sei como digerir a apresentação ainda, mas eu gostei muito. hahaha PS: Quero só dizer o quão feliz eu estive semana passada por ter tido um bottom Gorda x Gabriel. Sério.
Rich: Não sei porque me lembou um pouco o filme da lambada, ou foi só comigo isso mesmo? HAHAHA Achei bem animada, descontraída, gostei de vê-la dançando, pelo menos deu um up na semana que não estava tão bem.

Eliminado (a): Matilda Melin