Idol.News3

American Idol 2011: Sony Music está fora do programa

O boato já estava rolando há algum tempo, mas agora parece ser oficial: a Sony Music perdeu os direitos musicais com o American Idol. De acordo com a matéria no The Hollywood Reporter, o chefe da 19 Entertainment e criador da série Idol Simon Fuller, fechou uma nova parceria com a Universal Music Group.

O contrato faz parte de um acordo em que os selos Interscope / Geffen / A&M – pertecentes à Universal – terão agora a responsabilidade de produzir, promover e distribuir os artistas vindos do programa para todo o planeta. “Com o ‘Idol’ comemorando dez edições, eu queria injetar uma nova energia e um peso maior em nossa marca”, disse Fuller em um comunicado. “Temos emplacado hits por nove temporadas e a ambição, o comprometimento e a determinação de Lucian Grainge e Jimmy Iovine (Chairman da Interscope / Geffen / A&M) de ir além de barreiras e ainda mais adiante com o Idol são muito convincentes. É emocionante que o maior programa do mundo se alie com a maior empresa musical”, finaliza Fuller.

A Universal Music Group é a maior gravadora da indústria da música, com um share de 25,5% no mercado, entrando para o grupo das quatro maiores gravadoras do mundo. Seu catálogo inclui alguns dos maiores artistas da atualidade como Amy Winehouse, Demi Lovato, Lady Gaga, Black Eyed Peas, Aerosmith, Mariah Carey, Jay-Z, Eminem, Rihanna, The Pussycat Dolls, Gwen Stefani, Limp Bizkit, U2, Miyavi. Seus selos compreendem outros grandes artistas como Fall Out Boy, Elvis Costello, ABBA, Panic at the Disco e Blink-182.

Desde sua estréia em 2001, o American Idol já vendeu mais que qualquer outro programa, movimentando mais de 100 milhões de dólares na América do Norte e mais de 120 milhões de músicas na loja virtual do iTunes. O novo acordo valerá a partir da décima temporada do programa, que começa em Janeiro de 2011.

Sony Music divulga nota sobre o rompimento do contrato com o American Idol

(via Billboard)

Após o anúncio do novo acordo da 19 Entertainment com a Universal Music Group, a Sony Music soltou uma nota para a imprensa sobre o assunto. “Depois de desfrutar de um relacionamento de sucesso, a Sony Music Entertainment deseja a Simon Fuller e à 19 Entertainment tudo de bom nesse período de transição para a franquia ‘American Idol’. Esperamos continuar o nosso relacionamento com os vários artistas no catálogo da Sony Music que se formaram a partir do acordo com o American Idol, incluindo Kelly Clarkson, Daughtry, Carrie Underwood, Fantasia, David Cook, Adam Lambert, Kellie Pickler, Jordin Sparks e David Archuleta, além do fato de que estamos animados com os próximos álbuns dos finalistas da 9ª temporada, Lee DeWyze e Crystal Bowersox.

Jimmy Iovine entra para o time de produtores do programa

Após mais uma vez afirmar que Nigel Lythgoe voltará ao American Idol como produtor executivo, o jornal The Los Angeles Times informou nesta quarta (04/08) que Jimmy Iovine – Presidente dos selos Interscope, Geffen e A&M Records – terá um importante papel na nova temporada do programa. O que relata é que Iovine não será um dos novos jurados, mas será uma espécie de “mentor” dos novos participantes ao longo da nova edição (algo semelhante o que fazia Clive Davis nas outras temporadas do Idol).

O LA Times também relata que as negociações para a nova bancada de jurados do American Idol deverão estar concluídas dentro de alguns dias. Os produtores esperam iniciar as gravações com o júri no início de Setembro.