American Idol: S10E28 – Top 7 Performances

Audios Performances Zipado (BREVE) | Audio Performances Separados (BREVE) | Video Performances (BREVE)

Os sete candidatos restantes no programa subiram o palco novamente esta semana para mais uma performance. Para o 28º episódio, Lauren, Stefano, Scotty, Jacob, James, Casey e Haley interpretaram músicas do século XXI com a orientação de Jimmy Iovine.

Além do fixo Felipe, convidamos esta semana o Daniel Hernandes, de 22 anos e morador de São Paulo e que assiste ao American Idol desde a primeira temporada; e o Edmon Darwich, 21 anos, que acompanha o programa desde a quinta temporada e é de Ilhéus. Mas antes das apresentações dos Idols, os eliminados surpreenderam a todos com uma performance de “So What”, da Pink.
[media id=1095 width=630 height=380]

Scotty McCreery – Swinging (LeeAnn Rimes)

[media id=1096 width=630 height=380]

Felipe: Mais uma semana, mais uma semana boring. Ele tem que aprender que até tem fãs, está escapando de bottoms… mas ninguém ganha um American Idol de mesmice. Até que pegou um take de country diferente, mas achei tão mongol ele cantando, nem parecia cantado, só que ele estava narrando com entonação estranha. Não aguento mais ele, vai ordenhar uma vaca semana que vem, por favor.

Edmon: Ficar exibindo essa voz grave já deu. Ele consegue transformar qualquer música na mesma coisa de sempre. Eu não consigo distinguir nenhuma apresentação dele. Mais tedioso impossível. Acho que ele precisa de um B3 essa semana pra acordar e fazer alguma coisa nova. Sinto um pouco de Archuleta nele: nada, nada, e nada na frente de todo mundo e morre na praia.

Daniel: Tá eu reclamava que ele não mudava de estilo desde o começo, beleza a música é meio diferente,mas nessa altura do campeonato cantar essa música …PÉSSIMA ESCOLHA ! não importa o q os jurados disseram…ps J-Lo Eu não amo!

James Durbin – Uprising (Muse)

[media id=1097 width=630 height=380]

Felipe: Muito boa a apresentação, mas achei bem fácil 90% da música, tirando os falsetes, era muito no mesmo tom o tempo inteiro. E já é natal?? Então porque esses quebra nozes entraram no palco com ele?? Dispensável. Mas boa apresentação no geral.

Edmon: MUITO BOM! Mas muito bom mesmo! Finalmente ele mostrou que sabe misturar graves e agudos sem ser muito convencido nos gritos. Infelizmente eles não têm tempo pra cantar as músicas, porque eu tenho certeza que ele conseguiria fazer algo épico. Foi grandioso e bem executado em todos os sentidos.

Daniel: O que foram esses paquitos entrando com ele? HAUHAU mas fora isso eu curti! agudos na medida certa, boa escolha de música…. quero ele na final!!!

Haley Reinhart – Rolling In The Deep (Adelle)

[media id=1098 width=630 height=380]

Felipe: Eu ouvi que a Haleão ia cantar e fiquei tão animado… pena que não foi o resultado que eu esperava. Pareceu que apertaram aquele vestido de bolinhas tão forte que ela não conseguia respirar direito e teve que parar toda hora nas estrofes pra respirar (feiamente). Fora algumas desafinações. Fiquei frustrado, pelo menos espero que a estúdio seja melhor.

Edmon: Apesar do ódio sem sentido do Jimmy lá, ela tomou posse total da música. Ela é quem mais sabe mostrar o que pode fazer com a voz, ao contrário de Scotty que sempre faz a mesma coisa e James que às vezes só sabe gritar. No começo eu fiquei pensando “tem que pegar no tranco AGORA”, e pegou. Em alguns momentos ela parecia meio assustada. Mas no final, com certeza deu certo, apresentação ótima e muito melhor do que os jurados deixaram transparecer no programa.

Daniel: Essa música já era linda na versão original, e ela mais uma vez quebrou tudo, cantou cheia de emoção, exatamente o q pede a música … essa coisa de carinha de menina e voz femme fatale me conquista.. sorry não consigo ser imparcial com ela hoje hehe

Jacob Lusk – Dance With My Father (Luthor Vandross)

[media id=1099 width=630 height=380]

Felipe: Eu odeio essa música e ficou feião ele bravo no início por conta do feedback ruim, fora que ficou monótono demais. Embora ele não precise gritar toda santa apresentação, tente ser interessante sem precisar gritar, porque senão a gente dorme a apresentação inteira.

Edmon: Jacob é bom. Mas ele não tem nenhuma diferenciação. Nada nele é diferente. É tudo mais do mesmo. Toda semana é a mesma coisa. Ele canta bem, ele interpreta bem. Mas ele não é um American Idol. Ele é bom, mas ok. É como comprar um VW Gol ou um Nokia de 100 reais. Tudo é confiável, vai dar certo, mas não tem nada demais, nenhum diferencial.

Daniel: Não foi sua melhor semana, acho que a emoção mais atrapalhou do que ajudou, principalmente no começo… (sim eu tb acho ele DIVA! E isso não é nada ruim!) Espero que ele fique pra próxima semana…mas a apresentação foi fraca.

Casey Abrams – Harder To Breath (Maroon 5)

[media id=1100 width=630 height=380]

Felipe: Bom, escolha meio doida, eu jurava que ele ia pegar Sunday Morning, encaixava bem melhor que essa. Mas foi bom até, nada excepcional, já que a versão original é ótima, mas ele conseguiu dar um tom mais rock pra ela, embora eu pessoalmente não ache que seja esse o estilo que melhor encaixa nele. Mas foi bonzinho. Mas sou chato em achar que bonzinho já está batido?

Edmon: CASEY IS BAAAAAAAAAAAAAAAAAAACK! Puta que pariu. Não dá pra ser melhor. Harder to Breathe é uma das músicas mais pop-rock que existem, e ele conseguiu transformar tudo em um rock comercialmente viável. Ele fez exatamente o que os artistas desse programa devem fazer. Ele escolheu a música menos óbvia possível de Maroon 5 e fez o que ninguém esperava do “jazz guy”. Adoro Casey. Adoro Maroon 5. 1-866-43657-05! Agora!

Daniel: Melhor performance até agora, apesar de não gostar da música, parecia que estava num show só dele! Só queria que ele seguisse um estilo… e não pulasse em todos… mas adoro ele mesmo assim TOP 3 certeza…

Stefano Langone – Closer (Ne-Yo)

[media id=1101 width=630 height=380]

Felipe: Gostei da escolha da música e da apresentação, mas embora isso, achei uma escolha muito safe, não fez nada de diferente com a música ou com o arranjo como ele costuma fazer. E por isso, foi só bonzinho. Essa semana tá muito assim, ninguém se destacando muito.

Edmon: Boa escolha. Essa música faz dele quase um cantor relevante na competição. Foi uma boa apresentação, fisicamente falando, no palco. A voz foi limitada como sempre, mas isso não é um grande problema, pois ele sabe usar o que tem. Acho que ele merece crédito pela boa escolha, já que sempre no AI eles escolhem muito mal as músicas atuais. Meio Kristy Lee Cook com “God Bless the USA”: vai ter muitos votos, mas Top 6 é demais pra ele. Acho que já deu o que tinha que dar.

Daniel: Poutz adoro essa música, e não gosto dele #comolidar … droga ele cantou bem, afinado, no tempo ,faltou um pouco de fôlego depois da dança (só pra não falar que foi 100%) apesar de novamente achar que não é uma música pra essa etapa do programa…

Lauren Alaina – Born To Fly (Sara Evans)

[media id=1102 width=630 height=380]

Felipe: Bom, a voz dela realmente parou de ficar lá atrás essa semana e ela começou a se mexer mais no palco, então ponto por isso. Mas a música chata, sem emoção não ajudou nem um pouco. Ela tem que começar a se comunicar com a diva interior dela e cantar coisas mais complexas, porque ela tem capacidade pra isso.

Edmon: Prestei mais atenção no cara do “fiddle” do que nela. Ela cantando é tão relevante e animada quanto Taylor Swift, ou seja, só é uma figura comercial atual. Essa música é exatamente o que ela pode fazer na carreira dela. Mas… Sério? Isso não dá pra continuar. Foi tão abismal que nem dá pra falar muita coisa. Nem ela tem vontade de fazer o negócio direito. Então, né?! Tchau.

Daniel: Por quê colocar esse Santana do violino do lado dela? Mais uma apresentação boa mas fraca pra essa parte do AI , pouco provável que fique mais uma semana…

Nossos jurados escolheram:
Top: James (3 votos), Casey (2 votos), Haley (2 votos), Stefano, Jacob

Bottom: Jacob (2 votos), Scotty (2 votos), Lauren (3 votos), Haley, Stefano