S08E02 – Auditions (Kansas City)

Mais duas horas de programa hoje, começando novamente às 18h (horário de Brasília), ou pelo menos foi isso que a Sony me contou, agora em Kansas City.

E o American Idol Brasil já tem links para o episódio, fotos e áudios, juntamente com comentários sobre os melhores e piores de hoje!

E OK, comentários agora, feitos pelo Felipe (que não é Felipe, é Aipo. dik!):

Casey Carlson – Legalzinha, mas eu achei muito pseudo-indie que faz audition pro Canadian Idol (RIP). Passou mas nem deve continuar até o final da fase de Hollywood, a menos que um milagre aconteça.

Brian Hettler – Deus do céu, sem semancol. Afetadíssimo e sem afinação ou ritmo. Tinham que chutar pra fora da sala.

Von Smith – Exagerado demaaaaaaaaaaaaais. Mas quando canta em tom mais baixo fica legal. Talvez se ele aprender a se controlar, ele pode ficar melhor.

Michael Castro – Canta direitinho. Melhor que o irmão. Ele tem algo de country na voz, nem gostei da escolha de música por conta disso, mas fora isso, não me incomodaria ouvir ele cantar mais, diferente de outro Castro.

Jasmine Joseph – Nossa senhora, cabelo com a bandeira da França e uma voz de ovelha parideira. Parece que canta chorando, vai embora e não volta. Mereceu o silent treatment.

Jessica Furney – Legal ela, simples, canta bem e é simpática. Uma das melhores até agora, mas ser melhor que ela não vai ser muito difícil.

India Morrisson e Asia McClain – A Asia foi de sacanagem, deve ter sido pra contrastar e parecer que a irmã é melhor do que realmente é. A India, por outro lado canta direitinho, e fisicamente é uma clone da Paris Bennett, vamos ver se progride.

Jamar Rogers – Tem uma voz bem legal, meio derrapante em algumas partes, mas deu pra ver que sabe cantar. Melhor voz masculina até agora desse episódio, pra mim. Tomara que consiga acertar as notas melhor.

Andrew Lang – Nem comento das meninas que foram primeiro, só valeu pela que deu o fora no Simon e eu ri horas. Eu tinha gostado do Andrew de primeira, mas a segunda música realmente foi muito musical de terceira. Ainda assim, canta melhor que alguns que passaram já, e tenho dito.

Asa Barnes – Canta muito bem, o Jamar acaba de perder o posto de melhor voz da noite. Escolha de música bem diferente, mas ficou muito legal, e ainda tem o fator de aceitabilidade de ser pai, ter filhinha e tal. Se sobreviver a Hollywood, vejo algum futuro. Descobrimos que ele estava no Top 75 no AI4, foi eliminado em Hollywood.

Michael Nicewonder – Se uma tartaruga cantasse, ia parecer isso. Só que melhor. (Nada contra tartarugas)

Dennis Brigham – Vibrato não é a única coisa que se faz cantando, viu garoto? Aliás, o menino entrou na sala igual uma borboleta no arco-íris, se vocês me entendem. Não vejo ele passando de Hollywood.

Mia Conley – Clone da Kelly Rowland, mas eu acho que eu tou ofendendo a ex-Destiny’s Child assim. Aquela nota alta dela parece quando você enche uma bexiga e abre a boca dela e faz aquele barulho bizarro. Tava dormindo quando chamaram ela, devia ter continuado.

Lil Rounds – Absolutamente fantástica, vozeirão lindo, controle muito bom, bem soulful, paguei pau. Melhor da noite e ouso dizer das duas auditions até agora. Tem o apelo da história bonita de background e me parece Top 12 certo.